Jardim Sustentável assinado por Daniela Sedo para a CASACOR SP 2018

Avaliação do Usuário

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive
 

Concebido pela arquiteta e paisagista Daniela Sedo, o ambiente Jardim Sustentável apresenta um espaço kids para estimular brincadeiras sensoriais, com materiais naturais, casinha de bambu, horta regada com água de chuva, espécies tropicais nativas e um cantinho cultural

Jardim Sustantavel Daniela Sedo CASACOR SP 3

Em sua quarta participação na CASACOR SP, a arquiteta e paisagista Daniela Sedo inspirou-se no próprio nome do espaço, Jardim Sustentável, para criar um ambiente que pudesse realmente traduzir esse conceito e incentivar momentos lúdicos entre crianças e adultos. O primeiro passo foi respeitar o local tombado como patrimônio histórico, preservando as árvores e as duas construções existentes. A escolha dos materiais privilegiou produtos recicláveis e com diferenciais de sustentabilidade, como o piso drenante apoiado sobre a terra, que mantém a permeabilidade do solo original e não prejudica as plantas.

Jardim Sustantavel Daniela Sedo CASACOR SP 1

Preferência da paisagista, as espécies tropicais nativas são maioria no espaço de 40 m², que recebeu uma espécie rara de antúrio gigante, justícia-rosa usada como cerca viva, impatiens nas cores vermelho e magenta, além de várias espécies de filodendros. Em todo o jardim, foi aplicada uma cobertura de lascas de borracha proveniente de pneus descartados, para a proteção da terra.

Jardim Sustantavel Daniela Sedo CASACOR SP 2

A iluminação em led, mais econômica, foi projetada com luminárias de leds embutidos e espetos balizadores de 70 cm de altura, na cor de aço corten, com uma cúpula que direciona a luz para o piso.

Casinha de bambu

O ponto de destaque no espaço é a casinha de bambu mossô (estrutura) e cana da índia (detalhes), artesanal e totalmente desmontável. Medindo 2 x 2,40 m e com pé direito que vai de 1,65 m a 2,30 m, ela permite que os adultos também se divirtam com as crianças, sem que elas percam a dimensão e a fantasia de um espaço criado especialmente para elas.

Jardim Sustantavel Daniela Sedo CASACOR SP 8

Dentro da casinha, madeira certificada nas cores amarelo, laranja e cinza claro marcam o mobiliário colorido: uma mesa de atividades, bancos, banquetas e um balanço. O tapete de fibra sintética com estampa infantil de coruja (Revolution Zoo, da By Kamy) é indicado para ambientes externos cobertos e áreas úmidas, já que seca rapidamente sem alterar suas cores.

Jardim Sustantavel Daniela Sedo CASACOR SP 4

A cobertura da casinha, com duas águas, recebeu, em uma delas, um sistema modular de telhado verde para ajudar no conforto térmico do espaço e, no lado oposto, um painel de vidro reaproveitado de uma antiga porta (PS do Vidro), que garante boa iluminação natural para as brincadeiras. “Escolhi o bambu por ser um material abundante na natureza e de fácil renovação, além de gerar uma sensação mais aconchegante, de algo mais orgânico, sem aquele aspecto retilíneo, típico dos materiais industrializados. Acho que isso tudo colabora para tornar o ambiente mais agradável para as crianças”, explica Daniela Sedo.

Por um novo conceito de espaço kids

Para abraçar o tema do uso racional da água de uma forma leve e lúdica, o jardim conta com um reservatório que armazena a água de chuva captada no telhado da casinha de bambu e tem uma torneirinha na parte inferior. “A ideia é aproveitar essa água e incentivar os visitantes, principalmente as crianças, a usarem regadores para cuidar da hortinha de temperos e frutíferas”, conta a paisagista.

Jardim Sustantavel Daniela Sedo CASACOR SP 7

Na área externa, pula-pulas de pneus reaproveitados, com alças feitas a partir de pedaços de mangueiras de jardim descartadas pela indústria, mostram que é possível utilizar esse tipo de material para criar brinquedos interessantes, duráveis e mais sustentáveis.

“Minha ideia foi criar um espaço para estimular as surpresas e descobertas que a natureza traz para as crianças e que são tão importantes na infância, e deixar de lado aquela concepção de espaço kids todo de plástico, que pode até ser visualmente interessante para elas, mas não possibilita outros estímulos sensoriais que a natureza oferece, como diferentes texturas, temperaturas, cheiros, sons, sabores, sensação de pertencimento e bem-estar etc.”, diz Daniela.

Jardim Sustantavel Daniela Sedo CASACOR SP 9

A arquiteta e paisagista também reservou um cantinho para estimular atividades culturais: instrumentos de percussão feitos com bambu são um convite para experiências sonoras, e a minibiblioteca de madeira, em formato de casinha, apresenta uma seleção de livros infantis e lembra que a leitura faz parte de toda infância saudável.

Por fim, aromatizadores de ambientes da Acqua Aroma criarão uma atmosfera ainda mais especial com difusores de cerâmica, como o modelo Pitangas, que traz alguns exemplares dessa fruta brasileira dispostos sobre uma tina também de cerâmica – produto da linha Cores da Terra, desenvolvida pela artista plástica Selma Calheira e produzida por artesão de Ibirataia, na Bahia.

Contato

www.danielasedo.com.br

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Daniela Sedo Paisagismo

(11) 99904-4403

Adicionar comentário


Código de segurança Gerar novo código
Newsletters

Cadastre-se e receba  nossas novidades.

Siga-nos

Siga nossas redes sociais

facebook verde twitter verde Instragran verde

Últimas Matérias Publicadas

  • O paisagismo em empreendimentos dos novos tempos

  • Fazenda São José há mais de 74 anos é tradição e referência em Decks e Pérgolas

  • Garden seat invade a decoração

  • Vem aí a 3º edição do Congresso Nacional de Paisagismo Online, o Conapa

  • Uma perspectiva otimista para o mercado de paisagismo

  • 1